Servidor pintou pele para poder burlar o sistema de cotas - Arte no Papel Online
NOTICIAS
Servidor pintou pele para poder burlar o sistema de cotas

Servidor pintou pele para poder burlar o sistema de cotas

NOTICIAS

DESCRIÇÃO


Um rapaz com a pele branca e olhos claros, candidato usou até lentes de contato para burlar regras, e entrar através do sistema de cotas segundo a reportagem exibida no Fantástico .O INSS demitiu o servidor que pintou rosto para entrar em cota a vaga destinada à cota para pretos e pardos.

O jovem de 24 anos, que tem a pele branca e olhos claros, é acusado de ter fraudado o sistema de cotas em um concurso público para o órgão, realizado em 2016.

Segundo a reportagem do Fantástico o rapaz teria tingido a pele e usado lentes de contato escuras durante o processo seletivo do INSS e também e depois, ao prestar depoimento sobre o caso na Polícia Federal (PF).

O edital do concurso INSS dizia que os candidatos do concurso inscritos como cotistas tinham que enviar foto para comprovar as características físicas de uma pessoa parda ou negra.
A banca organizadora do concurso reconheceu p rapaz como aspecto de negro . O jovem começou a trabalhar no INSS no ano de 2017, na cidade de Juiz de Fora. Esse caso passou a ser investigado pela Polícia Federal logo após uma denúncia anônima.

O jovem foi exonerado do cargo logo após conclusão de processo administrativo que apontou uso de "maquiagem" para fraudar ingresso no sistema de cotas , que afirmou que Lucas "utilizou de declaração falsa para concorrer à vaga reservada a cota de negros para ingresso no INSS, tendo em vista ser branco de olhos verdes".

0 AVALIAÇÕES:

Comentários