O epitélio da mucosa gástrica é constantemente agredido por inúmeros fatores agressivos endógenos - Arte no Papel Online
Avaliação On-Line Curso Farmácia Faculdade Farmácia Farmacia EaD Farmacologia Aplicada (Farmácia) Questionário com resposta
O epitélio da mucosa gástrica é constantemente agredido por inúmeros fatores agressivos endógenos

O epitélio da mucosa gástrica é constantemente agredido por inúmeros fatores agressivos endógenos

Avaliação On-Line Curso Farmácia Faculdade Farmácia Farmacia EaD Farmacologia Aplicada (Farmácia) Questionário com resposta

DESCRIÇÃO

O epitélio da mucosa gástrica é constantemente agredido por inúmeros fatores agressivos endógenos, incluindo ácido clorídrico (HCl), pepsinogênio/ pepsina e sais biliares. Além disso, um fluxo constante de fatores exógenos, como medicações (AINEs), álcool e bactérias (H.pylori) alcançam e podem agredir a mucosa gástrica. O desequilíbrio entre os fatores protetores intrínsecos e os fatores citados acima, podem progredir para lesão da mucosa gástrica. Para tanto, existem medicamentos e que atuam como pró-fármacos, sendo ativado apenas em meio ácido, e assumiram a principal função no tratamento dos distúrbios ácido-pépticos, por serem mis eficientes na inibição de produtores de secreção gástrica. 


O texto acima se refere a qual classe de medicamentos gástricos, assinale apenas a alternativa correta. 



Agentes supressores do ácido, como os antiácidos 



Agentes inibidores da bomba de prótons, como omeprazol  Resposta correta 



Agentes inibidores dos receptores H1, como ranitidina 



Agentes protetores da mucosa, como o sucralfato 



Agentes inibidores do hormônio gastrina, como o bismuto

0 AVALIAÇÕES:

Comentários

cookieIfy (2).txt Exibindo cookieIfy (2).txt…